Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Aqui, no OBSERVANTES, têm lugar privilegiado:

A poesia, os sonhos e a utopia. A critica incisiva às realidades concretas de Portugal e do mundo baseadas na verdade constatada e só nela. "A verdade nunca é injusta; pode magoar, mas não deixa ferida". (Eduardo Girão)

Aqui, no OBSERVANTES, têm lugar privilegiado:

A poesia, os sonhos e a utopia. A critica incisiva às realidades concretas de Portugal e do mundo baseadas na verdade constatada e só nela. "A verdade nunca é injusta; pode magoar, mas não deixa ferida". (Eduardo Girão)

16.05.09

ZECA AFONSO - SANTIAGO DE COMPOSTELA


João Chamiço

 

JOSÉ AFONSO - SANTIAGO DE COMPOSTELA
 
“Nuestros hermanos”
 homenageiam Zeca Afonso
 
Santiago de Compostela dá nome de Zeca Afonso a um parque da cidade no dia em que se assinalam 37 anos do Concerto do cantor naquela cidade.
Uma centena de pessoas participou no baptizado de um parque em Santiago de Compostela com o nome de Zeca Afonso, numa homenagem marcada pela emoção e pelas críticas à “pouca atenção” que Portugal dedica ao seu cantautor.
O momento de maior emoção aconteceu quando todos os presentes, onde se incluía a viúva do cantor, Zélia Afonso, cantaram em galego e em português, “Grândola Vila Morena”
 
(Notícia do diário XXI, jornal da Beira Interior) em 11 de maio de 2009)