Sábado, 16 de Maio de 2009

ZECA AFONSO - SANTIAGO DE COMPOSTELA

 

JOSÉ AFONSO - SANTIAGO DE COMPOSTELA
 
“Nuestros hermanos”
 homenageiam Zeca Afonso
 
Santiago de Compostela dá nome de Zeca Afonso a um parque da cidade no dia em que se assinalam 37 anos do Concerto do cantor naquela cidade.
Uma centena de pessoas participou no baptizado de um parque em Santiago de Compostela com o nome de Zeca Afonso, numa homenagem marcada pela emoção e pelas críticas à “pouca atenção” que Portugal dedica ao seu cantautor.
O momento de maior emoção aconteceu quando todos os presentes, onde se incluía a viúva do cantor, Zélia Afonso, cantaram em galego e em português, “Grândola Vila Morena”
 
(Notícia do diário XXI, jornal da Beira Interior) em 11 de maio de 2009)
publicado por João Chamiço às 21:08
link do post | comentar | favorito
Sábado, 9 de Maio de 2009

JOGOS FLORAIS DE AVIZ 2009

 

Jogos Florais de Avis 2009
POESIA OBRIGADA A MOTE
 
(Mote)
Por ternura, por meiguice
Por amor e por verdade,
Sou idosa sem velhice,
Não perdi a mocidade!
 
 (glosa)
Quimera continuada,
É quando a idade sénior
Faz redondilha maior
Dez vezes multiplicada;
Nesta obra inacabada
Em constante meninice,
E algum grau de traquinice,
Que na idade madura
Se aproxima da brandura
Por ternura, por meiguice.
 
II
Mesmo que o Outono seja
Da raiz da primavera
Numa idade mais austera,
Há sempre quem nela veja
Uma flor que se exubera
Em pura fecundidade
E eterna fogosidade;
Quando há pétalas que caem
E outras novas sobressaem
Por amor e por vaidade.
 
             III
Em grande deslumbramento
E constante exultação,
Fiz da vida uma canção
Que canta as rugas do tempo
E é natural unguento
Para quanta patetice.
Ameniza a quixotice
E à vida traz o tempero
Que eu conservo com esmero
Sou idosa sem velhice!
 
IV
Ao tempo mando recados,
Mas o tempo que alcancei
Quantas vezes já pensei,
Que não ouve os meus mandados
E nem murmúrios nem brados.
Sei que não é por maldade
Que ele já não tem a idade
Chamada de cor-de-rosa;
Também eu! Que sendo idosa,
Não perdi a mocidade!
 
Pseudónimo: Viandante
Nome: João Chamiço
 
 (Nota: não foi premiada)
 
É perfeitamente natural que gostemos da nossa própira escrita senão nem sequer nos atreviamos a escrever, mas, temos de ter sempre em conta que outras pessoas terão talentos se sobra para nestas coisas se sobreporem aos demais. Tem por ventura muito mais consciência disto quem, como eu, faz parte de um júri que se vê tantas vezes confrontado com o dilema da escolha perante trabalhos de grande qualidade e por vezes muito equilibrados entre eles.
publicado por João Chamiço às 12:37
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.mais sobre mim

.Novembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. O HOMEM VELHO

. À JANELA

. QUEM DERA, QUEM DERA

. ESPELHOS TEUS

. PIROPO

. BRISA

. FLORES DE AÇORES

. ZECA AFONSO - SANTIAGO DE...

. JOGOS FLORAIS DE AVIZ 200...

. JOGOS FLORAIS DE ALMEIRM

.arquivos

. Novembro 2014

. Agosto 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Outubro 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Agosto 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

.links

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds